Páginas

Blog Rodelas Notícias

Blog Rodelas Notícias

quinta-feira, 17 de abril de 2014

Bandidos tocam o terror em Canudos, caixas eletrônicos do Banco do Brasil e Bradesco são explodidos

bancos-de-canudos


Caixas eletrônicos do Banco do Brasil e Bradesco, foram alvo dos criminosos na madrugada desta quinta-feira, (17).
Segundo informações de populares, por volta das 02:10 horas da madrugada desta sexta-feira (17), indivíduos armados, chegaram em dois carros e anunciaram o assalto para populares que se encontravam fazendo uso de bebidas alcoólicas em frete aos referidos bancos. Mandaram que  todos se levantassem com as mãos na cabeça e encostassem na parede, alegando o tempo todo que: "só queria o que era do governo". 

Depois que explodiram um Caixa eletrônico do Bando do Bradesco e outros dois do Banco do Brasil, os ladrões teriam levado três pessoas como reféns, tendo liberado todos a poucos quilômetros do local.
Até o momento não se sabe, se os delinquentes conseguiram levar algum dinheiro, visto que os caixas eletrônicos do Bando do Brasil, pouco foi alterado e o do posto do Bando do Bradesco ter ficado completamente destruído, bem como todo o espaço físico.

Fonte: Canudos Acontece

Após vários registros de violência, acaba a greve da Polícia Militar da Bahia


Finalmente a greve da Polícia Militar da Bahia, decretada na última terça-feira (15), chegou ao fim nesta quarta-feira (17), após reunião entre representantes do governo do Estado e entidades de classe da PM no auditório da Câmara de Dirigentes Lojistas, no Centro da capital baiana, entre o comandante-geral, coronel Alfredo Castro, vereador Prisco - um dos líderes do movimento - ,e o arcebispo primaz do Brasil, Dom Murilo Krieger.


Depois eles seguiram para o Wet'n Wild, onde os policiais estavam aquartelados, leram as deliberações, e a categoria decidiu o fim da greve. Durante o anúncio, Prisco chegou se emocionar, e anunciou que as associações vão fazer um churrasco para todos os policiai. No final, emocionado, ele declarou que a greve acabou.


Horas de terror
Além dos boatos que circulavam pela rede social durante o protesto da categoria, Salvador e outros cidades baianas sofreram com o clima de pânico e a violência que se instalaram nos municípios.

Somente na quarta-feira (16), a Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA) registrou 21 mortes na capital baiana e região metropolitana durante a greve da Polícia Militar. Entre as 6h até as 24h de ontem foram contabilizadas quatro tentativas de homicídio.
Todas as vítimas eram do sexo masculino. Os homicídios ocorreram em Massaranduba, Cajazeiras VI, Arraial do Retiro, Lapinha, Valéria, Praia Grande, São Bartolomeu, Cidade Nova, Periperi, Lobato e quatro em Paripe. Na RMS foram registrados os assassinatos em São Francisco do Conde, Camaçari, Vila de Abrantes, e quatro em Lauro de Freitas. Já as tentativas de homicídio ocorreram em Narandiba, Pero Vaz, Vasco da Gama e Caixa D'Água. Dos quatro casos registrados, três vítimas são adolescentes.

A última greve da Polícia Militar no estado durou 12 dias e 177 pessoas foram assassinadas em Salvador e região metropolitana.(Bocão News)

Cabrobó: Policias erradicam plantação de maconha

Na manhã da última quarta-feira (16), por volta das 09:00, dando continuidade a Operação Crack e atendendo a estratégia da Dinter-II, em operação conjunta com os efetivos do NIS-3/2ºCIPM, GATI, ROCAM e GT2512, todos da 2ª CIPM – Companhia Independente Capitão PM Arlindo Rocha, se deslocaram até a Fazenda Poço da Pedra, mais precisamente no riacho do Juá, zona rural de Cabrobó–PE, onde após incursões foram localizados vários plantios de MACONHA, em diversas fases de crescimento e muitos em fases de colheita, totalizando 3.008 (três mil e oito) covas e 12.320 (doze mil trezentos e vinte) pés. A plantação foi erradicada e incinerada no local. Alguns pés (amostragem) do entorpecente foram entregues na Delegacia de Polícia Civil de Cabrobó-PE para adoção das medidas legais, conforme B.O. nº 457/14.

  Fonte:O Povo com a Notícia

Vários homicídios e dois autos de resistência já foram confirmados na última quarta-feira

Aldo Matos/Acorda Cidade
Quinze homicídios e dois autos de resistência (morte em confronto com a polícia) foram confirmados nesta quarta-feira (16), em Feira de Santana, após a deflagração da greve da Polícia Militar na Bahia.

Entre as vítimas está o policial militar Tiago Maciel, de 35 anos, que trabalhava como fisioterapeuta no programa de Ecoterapia da corporação.

A vítima estava indo fazer um atendimento, acompanhado de uma policial militar, quando quatro homens, que estavam em um veículo Vectra preto, o reconheceram como policial e deflagraram vários tiros. Tiago Maciel ainda foi socorrido para o hospital Emec, mas já chegou ao local sem vida.

José Falcão

Outra vítima de homicídio, Israel Barbosa dos Santos foi assassinado no interior de um carro na Avenida José Falcão. Segundo informações, ele estava fazendo o transporte irregular de passageiros, conhecido como Ligeirinho, em um veículo Celta, quando foi alvejado. A autoria dos disparos é desconhecida.

Barroquinha

Um homem identificado por parentes como Carlos Alberto de Souza Filho, 29 anos, foi assassinado a tiros na manhã de hoje na Rua Hamilton Cohim, no bairro Barroquinha, em Feira de Santana. Ele era morador da Rua Cordeiro, bairro Jardim Santana.

De acordo com testemunhas, a vítima tentou assaltar um homem que estava dentro de um veículo, quando dois homens armados viram a ação e tentaram impedir o suspeito de praticar o crime. Houve troca de tiros, e o acusado foi alvejado.

Centro da cidade


Foi alvejado com vários tiros por volta de 11h desta quarta-feira (16), no cruzamento da Rua Carlos Valadares com a São José, centro da cidade, Edvan Araújo Henrique, de 25 anos. De acordo com o delegado João Rodrigo Uzzum, da Delegacia de Homicídios, há informações de que ele estava em uma moto em companhia de um comparsa.

A suspeita é de que juntos eles estavam tentando praticar assaltos, quando um homem de identidade não revelada sacou uma arma e deflagrou tiros contra os dois.

O comparsa de Edvan, que ainda não foi identificado, também foi baleado e morreu momentos depois após, mesmo ferido, seguir com o veículo em direção ao bairro Baraúna. “Tudo indica ter sido um duplo homicídio, mas vamos concluir as investigações. O segundo cadáver estava próximo e foi isolado, então vamos aguardar para poder chegar a uma conclusão definitiva”, informou o delegado. Veja Imagens

Sobradinho

Um homem foi assassinado na Avenida de Canal, no bairro Sobradinho. Ele não portava documento de identidade e ainda não foi identificado. Não há outros detalhes sobre este crime.

Rua Nova

Foi assassinado Adinailton Carvalho dos Santos, 21 anos, que morava na Rua Menino Jesus, no Loteamento Monte Pascoal. O crime aconteceu na Rua Montes Claros, no bairro Rua Nova.

Autos de resistência na Matinha

Dois homens ainda sem identificação morreram em troca de tiros com uma guarnição do Pelotão de Cavalaria, sob o comando do tenente Sardinha. O auto de resistência (morte em confronto com a polícia) ocorreu no povoado Mantiba, distrito Matinha. 
De acordo com o tenente Sardinha, a guarnição estava realizando rondas pela localidade quando avistou dois homens em atitude suspeita em um veículo Gol preto. Ao perceberem a presença da polícia, a dupla fugiu, batendo, em seguida, em uma cerca. Os suspeitos, então, correram para o matagal deflagrando tiros contra a polícia. O tenente informou ainda que enquanto ocorria a troca de tiros outros dois suspeitos chegaram por trás da viatura em uma motocicleta e também atiraram contra os pms. "A guarnição se protegeu, houve o revide e os elementos foram atingidos", contou.

Agrovila

Lucas Santana Lopes, 19 anos, foi assassinado com vários tiros, na Rua A, na Agrovila, bairro Mangabeira. Cerca de dez homens em dois carros efetuaram os disparos e além de Lucas, cinco pessoas foram baleadas. 

Eucaliptos

João Paulo Lapa de Oliveira  foi assassinado na Rua Potiguá, no bairro Eucaliptos. Quatro homens em um veículo não identificado efetuaram os disparos.
Distrito Maria Quitéria
Joildo Mendonça Novais, 36 anos, que residia na Rua Cruzeiro, no distrito Maria Quitéria, foi assassinado por volta das 15h, na rua onde morava.  Segundo a polícia, dois homens em uma moto atiraram na vítima e fugiram.
Distrito Governador João Durval (Ipuaçú)
Um homem ainda não identificado foi morto a tiros na Fazenda Galhardo, por volta das 14h. Os tiros atingiram rosto e braço esquerdo da vítima. Não há informações sobre os autores dos tiros.

Jardim Acácia
Leandro Pinto Barros, 27 anos,  foi morto a tiros na Rua Belo Horizonte, no bairro Jardim Acácia.  Ele morava na Rua Paraíso, no bairro Gabriela. 
Liberdade
Um homem ainda não identificado foi executado com vários tiros na Rua El Salvador,  no bairro Liberdade. 

Com informações dos repórteres Aldo Matos, Ed Santos e Ney Silva do Acorda Cidade

quarta-feira, 16 de abril de 2014

Policiais militares decretam greve por tempo indeterminado na Bahia

Os policiais e bombeiros militares da Bahia decidiram entrar em greve por tempo indeterminado. A decisão foi tomada em assembleia realizada no Wet'n Wild, no começo da noite desta terça-feira (15). A categoria rejeitou as propostas apresentadas pelo Governo do Estado de reestruturação e modernização da Polícia Militar. 


A decisão foi anunciada pelo coordenador-geral da Aspra, Marco Prisco. Antes, vários PMs já cantavam: "ôooo, a PM parou". 

Antes da assembleia, Marco Prisco, chegou a se reunir com o governador Jaques Wagner. O comando geral da Polícia Militar também se comprometeu a rever alguns pontos contestados pela categoria, como o Código de Ética e os processos disciplinares de PMs que participaram da greve no ano passado.  (correio da Bahia)

terça-feira, 15 de abril de 2014

Governo prevê mínimo de R$ 780 em 2015, no último reajuste pela lei atual

Fonte: Folha de São Paulo
O governo prevê um aumento do salário mínimo dos atuais R$ 724 para R$ 780 -ou exatos R$ 779,79- em janeiro de 2015.
A estimativa está no projeto de LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias) enviado hoje ao Congresso.
Será o último reajuste fixado pela lei atual de valorização do mínimo, que estabelece correção anual pela inflação mais um ganho equivalente ao crescimento da economia nacional de dois anos antes.
O cálculo do governo considera inflação de 5,3%, pelo INPC estimado para este ano, mais a expansão modesta de 2,28% do Produto Interno Bruto em 2013.
Para os analistas de bancos e consultorias, o INPC será maior: o ponto central das estimativas está em 6,36%. Nesse caso, o mínimo subiria para R$ 787,60.
O próximo governo terá uma tarefa politicamente difícil na definição da política a ser adotada para o mínimo a partir de 2016, porque o Orçamento deverá estar mais apertado.
A regra atual é adotada desde o segundo governo Lula, mas só se tornou lei em 2011, no início do mandato de Dilma Rousseff, com validade de cinco anos.
Ao vincular o aumento do poder de compra do mínimo à variação do PIB, a ideia era equilibrar as despesas e receitas do governo federal.
O piso salarial afeta diretamente os gastos com aposentadorias, pensões, seguro-desemprego, abono salarial e benefícios assistenciais a idosos e deficientes.
Já a arrecadação do governo costuma acompanhar a expansão da economia, porque a tributação incide principalmente sobre o consumo e a renda.
A conta, porém, não fechou, devido ao aumento da clientela dos programas sociais do governo -consequência do envelhecimento da população e do aumento do emprego com carteira assinada.
Entre 2008 e 2013, os desembolsos com programas ligados ao mínimo subiram de 7,8% para 9% do PIB. A receita com impostos e contribuições cresceu bem menos, de 21,4% para 21,9% do produto.
META FISCAL
Com a inflação em alta, o próximo governo tende a promover um controle maior dos gastos públicos no próximo ano -o que também é uma tradição em início de mandato.
O projeto de LDO estima uma poupança mínima de R$ 114,7 bilhões para o abatimento da dívida pública. Esse saldo, chamado de superavit primário, equivale a 2% do PIB.
Trata-se de um aperto em relação à meta atual de 1,9% do PIB, mas a administração petista tem descumprido as metas nos últimos anos.
O texto enviado ao Congresso prevê uma alta de 3% do PIB em 2015; o mercado trabalha com apenas 2%.

Bebê de 8 meses pesa 18 quilos e preocupa mãe em Natal


O peso de um bebê de apenas 8 meses preocupa a mãe da criança em Natal, no Rio Grande do Norte. Arthur Gomes da Silva tem 18 quilos e chama atenção por sua gordura nos lugares em que passa. A mãe do menino, Ana Paula Gomes da Silva, diz que o filho já começou a engordar mais que o normal a partir dos 4 meses, quando já tinha 10 quilos.
Por conta do tamanho excessivo do menino, a família compra roupas para crianças de 3 anos para ele. "Os médicos diziam que não era normal ele engordar tanto, mas nunca descobriram o que fazia meu filho ganhar peso. Eu preciso de ajuda para saber o que ele tem", disse Ana Paula ao G1 RN.
Até os 6 meses, o bebê só mamava no peito e até hoje não come muito, garante a mãe. "Hoje, ele já come fruta, papinha, mas não come muito, não". Ela diz que a criança nunca fez exame de sangue porque ninguém consegue "pegar a veia" do garoto. "Eu quero descobrir o que ele tem, porque vai crescer e isso pode prejudicar a saúde dele" (Correio da Bahia)


segunda-feira, 14 de abril de 2014

6º Congresso da União das mocidades da Assembleia de Deus em Rodelas


A Igreja Evangélica Assembleia de Deus em Rodelas, realizou mais um grande evento nos dias 12 e 13/04/2014, dessa vez foi o 6º congresso da UMADER (União das Mocidades da Assembleia de Deus em Rodelas) com o tema: “Jovens Santos, um desafio para uma geração corrompida!” porque Deus não nos chamou para impureza, mas para santidade.
Nessa grande festa teve a presença do cantor Vilmário Vieira que veio da cidade de Lauro de Freitas/BA, cantando louvores lindos e forte que tocou nos corações das pessoas que se fizeram presente 
O Pastor Presidente Alberto Damasceno de Albuquerque, que não mediu esforços para que esse congresso se realizasse, convidou o pregador Pr. Rosalvo Santana da cidade de Camaçari  para pregar a palavra de Deus, nos dois dias de festividades.



domingo, 13 de abril de 2014

2ª CIPM – Cabrobó apreensão e erradicação de maconha

Fonte: O povo com a noticia

20140412_125951
Dando continuidade a Operação Crack e atendendo a estratégia da Dinter-II, no dia 12 de abril de 2014 por volta das 09:00h em Operação com as equipes de Operações, Patrulha Rural-II, GT2512, GT2530 e NIS-3, ambos da 2ª CIPM , se deslocaram à estrada da adutora do oeste, mais precisamente no riacho, zona rural de Orocó –PE, onde após incursões o imputado GILVAN BARROS DA SILVA, 42 anos, residente na fazenda engraçada, estava cultivando 06(seis) sementeiras de CANABIS SATIVA LINEU(MACONHA), com aproximadamente 8.000 (oito mil) pés. A plantação foi erradicada e incinerada no local, o imputado juntamente com alguns pés (amostra) do entorpece foi entregue na  Delegacia de Polícia Civil, conforme B.O. nº 432/14.
20140412_125951

Minha Casa, Minha Vida já registrou 15 mil denúncias de ilegalidade

 Bocão News
O programa do governo federal “Minha Casa, Minha Vida” já registrou 15.720 denúncias de ilegalidades neste seus cinco anos de existência.  De acordo com o levantamento, divulgado na noite desta sexta-feira (11), do total de notificações, 8.964 (57%) foram julgadas improcedentes, após investigação. Em 1.561 casos, as unidades ocupadas ilegalmente foram retomadas e devolvidas aos beneficiários originais e 5.195 denúncias continuam em apuração.
 
Os números foram divulgados pelo presidente da Caixa Econômica Federal, Jorge Hereda,  e pelos ministros da Justiça, José Eduardo Cardozo, e das Cidades, Gilberto Magalhães Occhi, que avaliaram ser pequena a quantidade de queixas, considerando-se a magnitude do programa, que já entregou 1,6 milhão de moradias. As queixas representam 0,98% do todo, e cai para 0,43% quando deduzidas as notificações consideradas improcedentes.

As denúncias incluem ameaças e até apropriação indevida das unidades habitacionais, inclusive com expulsão de famílias. Diante dos problemas, os ministros destacaram a necessidade de intensas investigações. 
 
De acordo com o ministro Cardozo, a Polícia Federal (PF) recebeu a determinação de dar prioridade às investigações das ações de milícias, ou outros tipos de organizações criminosas, em programas habitacionais instituídos pelo governo federal.
 
Na última terça-feira (8), os ministérios das Cidades e da Justiça firmaram convênio com o governo do Rio de Janeiro para integrar ações de repressão e prevenção de condutas ilícitas. O ministro da Justiça informou que outros estados serão convidados a firmar parcerias semelhantes. No topo da fila de prioridades estão Maranhão, Minas Gerais e Bahia.
 
Sobre a autoria de condutas ilícitas, o ministro da Justiça disse que não há um padrão de atuação em todo o país, podendo ser feitas por ações de indivíduos ou de organizações criminosas, a depender da região. Para contribuir com as investigações, a população pode fazer denúncias por meio do telefone 0800 721-6268, de forma anônima.